Brazil Design Week quer consolidar projeto setorial de exportação do design brasileiro

Consolidar projeto setorial de exportação do design brasileiro. Este é o objetivo principal do Brazil Design Week, que será realizado de 9 a 14 de setembro, no Museu de Arte Moderna (MAM) do Rio de Janeiro. Com formato similar ao de grandes feiras e eventos internacionais, o evento tem um programa repleto de seminários setoriais, fóruns de debate, workshops e rodada de negócios. O público esperado é de mais de três mil visitantes, entre executivos, empresários, especialistas, formadores de opinião, estudantes e interessados pelo assunto. A organização é da Associação Brasileira de Empresas de Design (Abedesign), com apoio da Agência Brasileira de Promoção e Exportação (Apex-Brasil), parceira no projeto setorial de exportação. Também apóiam a iniciativa o Governo do Estado do Rio de Janeiro, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Sebrae. De acordo com Luciano Deos, vice-presidente da Abedesign e diretor-presidente do GAD Branding & Design, um dos objetivos do Brazil Design Week é promover a inovação como estratégia de negócios das empresas. “Em tempos de diferenciação e criação de valor o design deixa de ser uma simples questão estética para ser uma ferramenta estratégica. E nesse sentido, está na hora das empresas brasileiras incorporarem definitivamente essa abordagem e essa visão aos seus negócios, afirma Deos, em material divulgado pela assessoria de imprensa do evento. As estimativas divulgadas pela entidade é de que o setor movimente cerca de US$ 150 milhões por ano. A meta da Abedesign é realizar uma nova edição do evento em 2010, em Nova York, visando aumentar a visibilidade do design nacional.A primeira edição terá seis seminários setoriais, com cases empresariais sobre empresas Motorola, Starbucks, Procter & Gamble, Fiat e OXO. Outra atração é a exposição: O design Brasil século XXI Inovação na Indústria Brasileira, com aproximadamente 80 trabalhos nacionais que abrangem todos os setores da indústria brasileira – veículos, eletrodomésticos, aparelhos de lazer e medicina, utensílios domésticos, mobiliários etc. O espaço Design Trade Show terá estandes de 40 escritórios de design e de órgãos de fomento,A organização está vendendo um passaporte válido para quem pretende participar de seis seminários, quatro fóruns de debate e cinco workshops. O custo é de R$ 650,00. O evento abre a possibilidade para inscrições em um ou mais eventos, com valores variando de R$ 50,00 a R$ 200,00. Dois fóruns têm acesso gratuito: Ensino em Design e Políticas Associativistas do Design.Informações e inscrições no site do evento: www.brazildesignweek.com.br

Tags: