Finep lança programa de incentivo à inovação

Visando contribuir para o incremento das atividades de pesquisa e desenvolvimento realizadas no país, o Ministério de Ciência e Tecnologia está lançando o Inova Brasil, um programa de incentivo às inovação das empresas brasileiras. A iniciativa, desenvolvida pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), consiste na abertura de linha de créditos para empresas de todos os portes, o programa é voltado para empresas de todos os portes, que poderão pedir de R$ 1 milhão a R$ 100 milhões, com pagamento em até 100 meses. O programa oferece taxas de juros fixas, entre 4,25% e 5,25% ao ano, nos contratos de financiamento.De acordo com a Finep, as taxas foram estipuladas conforme as diretrizes da nova política industrial, que dividiu os setores da economia em três grandes eixos: programas mobilizadores em áreas estratégicas; programa para conciliar e expandir a liderança; e programas para fortalecer a competitividade. Para o primeiro grupo, no qual estão inseridos os complexos industriais de defesa, saúde, tecnologia da informação, energia nuclear e nanotecnologia, áreas consideradas estratégicas e prioritárias pelo governo, a taxa de correção dos contratos é de 4,25% ao ano. No segundo eixo, que engloba os setores de siderurgia, petróleo, gás natural, bioetanol, celulose e complexo aeronáutico, esse percentual passa para 4,75%. Por último, estão os setores de bens de capital, automotivo, têxtil, calçados e agroindústria, entre outros, que terão seus contratos de financiamento corrigidos em 5,25% ao ano. Já os projetos que não se enquadram em nenhum dos três eixos da políticaindustrial terão taxa variável de TJLP mais 5% ao ano. Outro diferencial do programa é o prazo de 100 dias, a partir da aceitação do projeto pela Finep, para a liberação da primeira parcela do financiamento, no caso de empresas que apresentarem carta de fiança emitida por instituição bancária reconhecida pelo Banco Central.Informações: www.finep.gov.br/programas/inovabrasil.asp

Tags: