Museu da Casa Brasileira anuncia vencedor do concurso de cartaz para o 22º Prêmio Design

Aline Coutinho de Araújo e Leandro Lopes de Oliveira. São eles os autores do cartaz que vai servir de identidade visual para o 22º Prêmio Design Museu da Casa Brasileira. Escolhido entre 454 cartazes inscritos, o cartaz desta vez não traz a imagem de mobiliário, mas de uma escova de dentes. Segundo o júri, o objeto é presente no cotidiano de todos e, ao mesmo tempo, pertence ao universo da grande indústria, envolvendo recursos tecnológicos avançados em seu projeto e sua produção. “O tratamento gráfico dado a ela é esmerado: as cerdas sugerem o código de barras característico do produto industrial; a imagem do creme dental, por sua vez, é obtida por meio de um jogo tipográfico com os numerais, sem perder a clareza da leitura do 22″, justifica o júri, formado por nomes como Chico Homem de Melo (coordenação), Alécio Rossi, Diana Mindlin, Elaine Ramos, Giovanni Vannucchi, Milton Cipis e Tadeu Costa. “A solução cromática ajuda a dar força e particularidade à imagem engenhosamente construída. O resultado é um cartaz marcante, que com certeza cumprirá plenamente as tarefas de comunicação a ele destinadas”, completa a comissão julgadora.Além dos R$ 3.000,00 de premiação, os vencedores receberão um total de R$ 5.000,00, a título de prestação de serviços pelo desenvolvimento de peças gráficas como folder, banner, camiseta e outras. Dos finalistas, serão selecionados até dez trabalhos para integrar a exposição do 22º Prêmio Design Museu da Casa Brasileira, em dezembro.

Tags: