Carla Niemeyer

Por Editor DesignBrasil

“Nossa missão é fornecer soluções em design para ampliar a competitividade das organizações”

Criado em 2004, o Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio completou dois anos em março e vem ocupando um espaço importante no cenário do design carioca.

O Centro está instalado num shopping de decoração e conta com 10 ambientes para cursos, dispostos num espaço de aproximadamente 1000 m2. Uma das finalidades dos cursos é a de complementação da formação de estudantes e profissionais. Mas a programação atende também a quem vende design. Um dos cursos oferecidos é dirigido a vendedores de lojas de decoração.

Além dos cursos, o núcleo atua em outras frentes. Promove eventos – workshops, palestras – e constrói uma ponte entre empresários e designers, apoiando o desenvolvimento de projetos.

“As pequenas empresas são atendidas diretamente pelo Centro, que dispõe de profissional com treinamento específico para essa função”, afirma Carla Niemeyer, gerente corporativa do Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio.

Em entrevista exclusiva ao DesignBrasil, por e-mail, ela comenta como vem sendo o trabalho desenvolvido pela instituição.

 

DesignBrasil: Como foi sua trajetória profissional até chegar à gerência do Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio?

Carla Niemeyer: O design palavra, conceitos, eventos e publicações, sempre esteve presente na minha vida, desde que me entendo por gente. Coisa de família mesmo. Me aproximei mais efetivamente da área aos 14 anos quando estagiei na área de finalização (nada de micro! Era com letraset, algodão, palito e guache branco mesmo) da agência de propaganda Denison, no Leblon, Rio de Janeiro. Daí não parei mais. Por perceber o caráter estratégico da aproximação com o mercado, optei por cursar a faculdade no período noturno (Univercidade 1991-1994). Depois de formada e de estagiar em diferentes lugares fui trabalhar na FIRJAN onde fiquei por 3 anos desenvolvendo as publicações do Sistema. Nessa ocasião tive oportunidade de vivenciar o entendimento do empresariado sobre a área de design. Para mim a inserção e articulação dos designers com o mercado sempre foi uma questão importante e, por isso, busquei complementar minha formação com conhecimentos mercadológicos e em 1998, depois de muita pesquisa, parti para uma pós-graduação de marketing e negócios nos USA voltada para americanos (Universidade de San Diego). Se é para aprender que seja com os melhores. E eles sempre foram ótimos nisso! Vide Disney.

De volta dessa experiência internacional, achei importante compartilhar minha experiência e entrei no meio acadêmico. Estruturei na Puc-Rio o curso de extensão Design e Marketing que ministrei lá ininterruptamente por mais de 2 anos. No ano seguinte fui convidada pela Editora 2AB a escrever sobre o tema o que levou ao lançamento do livro “Design e Marketing”. Ampliei então minha atuação junto ao meio acadêmico e passei a lecionar disciplinas também na graduação (UniCarioca) e na pós-graduação na (UNB-Salvador e UFAM – Amazonas). Com crescente interesse na inserção do design nas empresas e mais especificamente em gestão em design, parti em 2002 para a Itália para um aperfeiçoamento em Design Management a convite do governo italiano. Como conclusão apresentei uma bem fundamentada monografia com uma proposta para incremento das atividades produtivas pela interação designers/ pmes. Nela apresento e defendo minhas convicções de caminhos para mais e melhores negócios para pequenos e médios empresários e designers. Esse trabalho contextualiza um amplo e abrangente levantamento sobre a situação atual do design no Brasil. Em 2004 de volta ao Brasil recebi o convite para trabalhar na área de marketing do Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio e em março do ano seguinte assumi a gerência da Unidade. Ótima oportunidade para comprovar a teoria na prática!

Carla, em sua mesa de trabalho

 

DesignBrasil: O que é e qual é a missão o Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio?

Carla Niemeyer: O Centro é uma resposta do Senac às necessidades de mercado e atua como um pólo de soluções em design através da realização de eventos, cursos, treinamentos, workshops, estabelecimento de parcerias, prestação de serviço e desenvolvimento de publicações. Tem como proposta fornecer às pessoas e organizações condições para empreender. O Centro de Tecnologia em Design tem como missão fornecer soluções em design para ampliar a competitividade das organizações, por meio de conhecimento e capacitação em design e efetiva articulação com o mercado aprimorando, assim, as atividades de comércio e serviços.

 

DesignBrasil: Quais são as áreas de design em que o Centro concentra seus esforços?

Carla Niemeyer: A atuação do Centro se estende a área de design de produto, design de interiores e paisagismo. As sub-áreas mais estratégicas onde concentramos nossas ações são de: jóias, embalagem, mobiliário, vitrinismo e merchandising visual e sustentabilidade.

 

DesignBrasil: Qual é o público-alvo prioritário das atividades do Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio? Empresários, profissionais, estudantes?

Carla Niemeyer: Prioritariamente atendemos a dois grandes públicos pessoas e organizações. Afinal, de nada adianta qualificar uma ponta designers se a outra ponta empresas e mercado não está ciente ou atenta dos benefícios que pode usufruir. Tanto para pessoas que buscam colocação ou reposicionamento no mercado ou mesmo com víeis empreendedor querendo abrir o próprio negócios. Por outro lado as empresas buscam qualificação de funcionários e de seus processos para melhores produtos e serviços. Estamos sempre atentos aos movimentos de mercado buscando nos antecipar para criar condições para pessoas e organizações para melhor posicionamento no mercado.

 

DesignBrasil: Quais são os principais serviços oferecidos pelo Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio?

Carla Niemeyer: O Centro realiza e participa de eventos de diversos portes nacionais e internacionais, oferece cursos de que visam a inserção do profissional no mercado, promove workshops e debates, lança publicações na área e oferece soluções para empresas através de prestação de serviço e treinamentos.

 

DesignBrasil: Em números, quantos cursos já foram ministrados no Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio? Quantos alunos foram atendidos e quantos professores estão cadastrados? Há planos de criar cursos de graduação e pós-graduação, como ocorre no Senac de São Paulo?

Carla Niemeyer: Ao longo de dois anos, recém-completados no dia 29 de março, qualificamos mais de 1.300 pessoas, em 89 turmas, de diferentes cursos. Sem dúvida um número expressivo que nos orgulha. Temos 180 professores cadastrados no nosso . Esse ano o Senac está completando 60 anos e tem qualidade reconhecida através dos regionais. A estratégia do Senac Rio difere do Senac SP mantendo a mesma atenção na qualidade. O lançamento de cursos de graduação e pós-graduação em design ainda está em estudo pois o objetivo não é o lançamento de cursos e sim atendimento a necessidades de qualificação identificadas.

Carla Niemeyer. Ao fundo, a fachada das instalações do Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio, no Casa Shopping

 

DesignBrasil O Centro dispõe de um espaço de 1000 m2. Como é distribuído e utilizado este espaço?

Carla Niemeyer: Foi estratégica a decisão do Senac Rio de construir o CTD dentro do maior pólo de decoração fluminense, único shopping de decoração do Estado. Ocupamos a cobertura de dois blocos do shopping, num projeto moderno, arrojado, que surpreende a todos que nos visitam. Dispomos de áreas agradáveis de convivência, ambientes confortavelmente climatizados e ampla infra-estrutura de segurança. Temos 7 salas multiuso e dentre os ambientes dedicados há um laboratório de informática com computadores de última geração, a mais bem equipada Oficina de Jóias do Rio de Janeiro, uma bem equipada oficina de maquete e modelos reduzidos e um Núcleo de Documentação e Informação (Biblioteca). Todos os ambientes têm acesso a uma agradável área externa comum com cerca de 300 m2, algumas facilidades e vista privilegiada, que circunda a construção. Tudo para tornar o espaço um lugar gostoso de se estar.

 

DesignBrasil: Quais os principais eventos já realizados pelo Centro?

Carla Niemeyer: O CTD optou pela realização estratégica de um evento de grande porte anual: no mês de inauguração foi realizado no CasaShopping o Seminário Tendências de Moda e Design com a presença de cerca de 400 pessoas e no ano seguinte, em outubro, o Seminário Design Sustentável reuniu na sede da Fecomércio cerca de 300 pessoas. Também anualmente o CTD co-realiza com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Semana RIOfazDESIGN, participa em diversos eventos como CasaCor, Arq & Gosto e Master Casa e promove pequenos eventos internos, dentre os quais podemos citar: Exposição de Jóias – Amuletos e Talismãs, Tendências Salão de Milão 2005 e 2006, Palestras (Peter Gasper, Eduardo Barra, etc), Fórum Marketing para arquitetos (AD Fórum) entre outros.

 

DesignBrasil: O Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio já lançou algumas publicações em design. Quantos livros já foram editados na área de design? Qual o critério para editar um livro? A quem eventuais autores devem procurar caso tenham interesse de publicar um livro pelo Senac Rio?

Carla Niemeyer: O conhecido livro “Ver e Compreender”, ganhador do prêmio Jabuti, foi um lançamento da Editora Senac Rio. Em 2005 foi lançado o livro “Bossa Carioca Casa Cor Rio de Janeiro”, comemorativo dos 15 anos do evento Casa Cor. Os autores que tiverem interesse em apresentar um projeto podem encaminhá-lo ao Centro ou mesmo a Editora. Em ambos os casos a análise e indicação para publicação partem da Unidade que avalia o alinhamento com as áreas de atuação além do caráter de inovação, a pertinência do tema e sua relação com os temas em pauta.

 

DesignBrasil: O que é e como funciona o programa Senac Corporate? Cite um case interessante de empresa atendida por este programa?

Carla Niemeyer: As pequenas empresas são atendidas diretamente pelo Centro que dispõe de profissional com treinamento específico para essa função. O atendimento às médias e grandes organizações é feito diretamente pelo Senac Rio, através da área Corporate. Essa área dispõe de profissionais treinados que apresentam soluções integradas dos Centros Especializados para as empresas. Os serviços e produtos desenvolvidos visam atender a empresa em todos seus níveis hierárquicos e podem ter configurações diversas tais como treinamentos, cursos, seminários, congressos, campanhas, encontros, oficinas, exposições, desfiles, concursos, certificações, programas a distância, assessorias, consultorias, livros, CD-rom, vídeos e softwares. Dentre os projetos já concluídos pelo Centro posso citar o projeto com a empresa Onda Móveis: A Onda Móveis nos procurou para treinar funcionários na área de vendas. Como resultado criamos um curso de vendedor projetista de móveis modulados até então inédito no mercado. A cada nova turma a Onda recebeu vagas garantidas para seus funcionários a custo zero para a empresa. Esse curso já propiciou a inserção de alguns profissionais no mercado.

 

DesignBrasil: O Centro de Tecnologia em Design está instalado dentro de um shopping de decoração na Barra da Tijuca, um bairro relativamente afastado do centro da cidade. Por que essa opção?

Carla Niemeyer: A Barra da Tijuca é um bairro moderno de grande crescimento e que vem atraindo diversos investimentos e grandes empresas como Nike, Shell, Michellin, Vivo, Tim, que recentemente migraram para a região. Estar nessa região e no único shopping de decoração do Estado foi uma decisão estratégica do Senac Rio que investiu na montagem de um espaço de 1.000 metros quadrados, oferecendo segurança e uma completa infra-estrutura. Alinhado a proposta pedagógica do Senac Rio e favorecido por sua localização o Centro possibilita aos estudantes momentos práticos de aprendizagem muitas vezes em ambientes e lojas do próprio shopping contribuindo para uma efetiva aproximação desses com o mercado.

 

DesignBrasil: O Rio de Janeiro tem diversas universidades que oferecem cursos superiores de design e conta ainda com o Centro de Design Rio, dentre outras instituições. Nesse contexto, qual o posicionamento do Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio? Qual vem sendo a contribuição do Centro para o design carioca?

Carla Niemeyer: O Centro é uma iniciativa inédita no Rio de Janeiro com objetivo final do aprimoramento de atividades, por meio de mais e melhores negócios para pessoas e organizações através do fornecimento de informação e desenvolvimento em design e maior articulação com o mercado.

Seja através do ingresso ou reposicionamento no mercado ou mesmo estimulando o empreendedorismo, nosso portfólio tem o olhar da efetividade. Com um Conselho Consultivo formado por profissionais de destaque (Gilberto Strunck, Ângela Carvalho, Gustavo Gelli, Luis Blank, Lucy Niemeyer, entre outros), que legitimam nosso planejamento, dispomos de programações e eventos sempre buscando possibilitar momentos práticos de aprendizagem e efetiva aproximação com o mercado.

 

DesignBrasil O Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio está completando dois anos de atividades. Qual o balanço desse período? Quais foram as principais vitórias da instituição ao longo desse período?

Carla Niemeyer: Com dois anos de existência, o Centro de Tecnologia em Design do Senac Rio vem desenvolvendo seu portfólio de atividades de forma a possibilitar o encadeamento lógico, e nunca engessado, na formação, aperfeiçoando-o conforme as necessidades do mercado. Temos diversos cursos que são referências nacionais – Design de Jóias e Técnico de Design de Interiores.

Nesses dois anos nossos dados número de atendimento a empresas, eventos de aproximação entre designers e empresários, eventos para informação demonstram que contribuímos para incremento da relação entre designes e empresas, para a percepção do valor do design, pela maior inserção do design no meio empresarial e pela articulação entre designers e empresários. Estamos certos de que esse é o caminho para mais e melhores negócios no Estado.

 

DesignBrasil: Quais são os planos do Centro para este ano e o que virá de novo para os próximos anos?

Carla Niemeyer: Sempre nos pautamos nas tendências e buscamos aproximá-las e trazê-las para nossa realidade. Apesar da área de design não ser uma área de atuação recente, percebemos que há ainda muito para estruturar e estamos dando os primeiros passos. O principal plano é a continuidade pois de iniciativas pontuais o mercado está cheio e cansado. Através do estabelecimento de parcerias podemos potencializar nossas realizações para resultados cada vez mais efetivos.